O Mato Grosso todo lê!

Sábado, 13 de agosto de 2022
MENU

Justiça

Juiz remarca audiência entre Dorner e Juarez em processo sobre acusações de pedofilia

Juarez Costa e Billy Dal Bosco compunham chapa no pleito à prefeitura de Sinop e são apontados como responsáveis por disparos em massa vinculando a imagem de Dorner

Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O juiz Cleber Luis Zeferino de Paula, da 22ª Zona Eleitoral de Sinop (480 km de Cuiabá), redesignou para 21 de novembro a audiência entre o prefeito do município Roberto Dorner (Republicanos) e o deputado federal Juarez Costa (MDB). O processo versa sobre um episódio de calúnia em que o parlamentar acusou o prefeito de pedofilia no processo eleitoral de 2020.

Juarez Costa e Billy Dal Bosco compunham chapa no pleito à Prefeitura de Sinop e são apontados como responsáveis por disparos em massa vinculando a imagem de Dorner, à época um adversário político, à pedofilia. Nos vídeos, o empresário é acusado de estuprar uma deficiente mental, de 13 anos. 

No âmbito das investigações, Juarez Costa justificou que não consentiu com o conteúdo e atribuiu a culpa ao marketing da campanha. 

Na ocasião, além dos réus e das testemunhas do Ministério Público Eleitoral, também serão ouvidas as testemunhas arroladas pela defesa. Dentre as pessoas que serão ouvidas estão uma agente da Polícia Federal, o vice-prefeito de Sinop Dalton Martini e Ranulfo Paes de Barros Neto, responsável pela produtora de vídeos contratada na campanha. 

 A audiência havia sido marcada para 9 de novembro, mas foi adiada a pedido de uma das testemunhas. 

Créditos (Imagem de capa): RAYNNA NICOLAS/HNT

Comentários:

Publicidade
Publicidade

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!