O Mato Grosso todo lê!

Sábado, 13 de agosto de 2022
MENU

Agro

Indea aplica 18 multas contra "barões" por plantio ilegal em MT

O calendário do plantio inicia dia 16 de setembro e segue até 3 de fevereiro de 2023.

Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Dezoito autos de infração foram lavrados pela fiscalização do Indea pelo descumprimento do período do vazio sanitário da soja. Foram detectadas irregularidades devido à presença de plantas vivas de soja em 3,3 mil hectares nos municípios de Alto Araguaia, Alto Garças, Alto Taquari, Campos de Júlio, Carlinda, Nova Guarita, Nova Lacerda, Nova Maringá, Porto dos Gaúchos, Poxoréu e Primavera do Leste.

As multas aplicadas somaram R$ 1,587 milhão, considerando a UPF do mês de julho. As plantas vivas podem ter sido plantadas ou mesmo não plantadas, como nas beiras de estradas, em volta de armazéns e até mesmo nas áreas que eram cultivadas com soja e que foram colhidas e posteriormente os grãos que caíram ali germinaram.

Contudo, o produtor deve se atentar e fazer a destruição das plantas no período do vazio. O vazio sanitário da soja foi instituído em Mato Grosso no ano de 2006, como uma medida fitossanitária para a prevenção da ferrugem asiática da soja, cujo objetivo é reduzir a sobrevivência do fungo Phakopsora pachyrhizi na entressafra e, assim evitar a ocorrência da doença na safra.

Neste ano, está proibida a presença de plantas vivas de soja, guaxas ou cultivadas de 15 de junho e até 15 de setembro. O calendário do plantio inicia dia 16 de setembro e segue até 3 de fevereiro de 2023.

A ferrugem asiática da soja é uma das principais doenças que acomete a cultura, causando desfolha precoce da planta, impedindo a completa formação dos grãos e a consequente queda de produtividade. Em 2021 foram realizadas 6.398 fiscalizações em propriedades, durante o vazio sanitário da soja. A ação alcançou 121 municípios do Estado. Ao todo, foram emitidas 166 notificações quanto à obrigatoriedade da destruição das plantas de soja e expedidos 74 autos de infração por descumprimento do vazio sanitário.

Fonte/Créditos: Redação

Créditos (Imagem de capa): Reprodução

Comentários:

Publicidade
Publicidade

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!