O Mato Grosso todo lê!

Sábado, 13 de agosto de 2022
MENU

Agro

ANTT informa que obras na BR-163 só começam daqui a três anos

O governador Mauro Mendes demonstrou preocupação com esse prazo

Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) informou ao Governo de Mato Grosso que os investimentos na BR-163 podem demorar até três anos para serem iniciados, se observados os prazos previstos na decisão tomada pelo Governo Federal.

A informação foi prestada pelo diretor-geral da ANTT, Rafael Vitale, durante reunião com o governador Mauro Mendes, na manhã desta terça-feira (12), que teve a participação do vice-governador Otaviano Pivetta, do secretário-chefe da Casa Civil, Rogério Gallo, do presidente da MT Par, Wener Santos, do diretor da ANTT, Guilherme Sampaio, e da equipe técnica da agência.

A ANTT relatou que o termo aditivo que autoriza nova licitação para a rodovia estabelece diversas obrigações para a Rota Oeste – a atual concessionária -, que devem ser cumpridas em até dois anos, e dentro deste prazo a licitação deverá ser realizada.

Após a assinatura do contrato, a previsão é que a nova concessionária poderá levar até um ano para iniciar os investimentos. Portanto, a obra de duplicação só deve iniciar daqui a três anos.

O governador Mauro Mendes demonstrou preocupação com esse prazo, tendo em vista os constantes acidentes e mortes ocorridas pela péssima condição da estrada.

“Muitos mato-grossenses e trabalhadores de outros estados têm perdido a vida nessa rodovia. São acidentes toda semana, sem contar os prejuízos para os produtores, transportadores e para a população que transita na BR-163. A concessionária cobra pedágio e não faz os investimentos. Já deveria ter concluído a duplicação e até agora sequer iniciou o trecho de Cuiabá a Sinop. Ninguém aguenta mais. Precisamos de uma solução urgente e não podemos esperar todos esses três anos”, pontuou.

Fonte/Créditos: Secom/MT

Créditos (Imagem de capa): Secom/MT

Comentários:

Publicidade
Publicidade

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!